Município de Aljustrel - Terra Viva

Iniciativas

Vídeo Promocional - Aljustrel, Terra VivaJornal de AljustrelAgenda 21Ambiente - Eco AljustrelViniculturaCPCJAJulgado de PazConselho SolidárioPrograma Aljustrel JovemUnidade Móvel de SaúdePatrimónio MineiroGEO_FPIIFRRULinha VerdeGabinete Apoio ao Emigrante

SMIRA - Filarmónica

Sociedade Musical de Instrução e Recreio Aljustrelense

A estória da Sociedade Musical de Instrução e Recreio Aljustrelense, intrinca-se nesta história mais longa, sendo dela simultaneamente fruto e, sobretudo, pretendendo-se que continue a ser semente de novas e renovadas gerações de músicos do concelho de Aljustrel.

Fundada a 28 de Maio de 1942, por antigos músicos de anteriores filarmónicas, entra em novo interregno em 1952, após a sua fusão com a Associação de Bombeiros de Aljustrel, numa tentativa de superar as dificuldades em manter o regente de então.

A música suspende-se numa pausa interminável de mais de vinte anos.
Contudo, a 16 de Julho de 1975, surge um novo fôlego, sendo a SMIRA reorganizada e instalada no Edifício das Escolas Reis, por cedência do presidente da Câmara Municipal de Aljustrel, de então. Os estatutos aprovados em 1943 são readoptados.

Desde então a SMIRA, tem vindo a promover a acção cultural junto dos seus associados e população do concelho de Aljustrel, através da educação musical sobretudo dos mais jovens.
Assumindo como principal actividade o ensino e divulgação da música, a SMIRA actualmente com trezentos e dez sócios, assegura a organização e funcionamento de uma escola de música responsável pela iniciação e formação musical de jovens, imprescindível para a manutenção e renovação da sua banda filarmónica.

Actualmente a escola de música tem vinte e cinco jovens com idades compreendidas entre os 8 e os 15 anos, dos quais dezasseis são do sexo feminino e nove do sexo masculino. Actualmente está a ser feita uma aposta, ao nível da sensibilização para esta nobre arte, com crianças dos 04 aos 08 anos. Uma vez por semana, esta Turma Infantil, com a composição de 8 / 10 elementos vai ganhando gosto por esta área cultural.

No que concerne à banda filarmónica, esta caracterização é semelhante, apresentando a banda num total de trinta e sete executantes, quinze até aos 20 anos de idade, catorze entre os 20 e os 25 anos de idade, sendo os restantes sete, maiores de 25 anos de idade. Quanto à distribuição por sexo, novamente o sexo feminino é maioritário com vinte e três elementos.


Ainda no campo da educação musical, é de salientar o protocolo estabelecido entre a SMIRA, a Câmara Municipal de Aljustrel e o Conservatório Regional de Música do Baixo Alentejo, que tem por objectivo o aprofundamento dos estudos e melhoria da capacidade interpretativa dos jovens executantes da banda. É oportuno referir que no transacto ano lectivo (2010/11) estiveram matriculados onze elementos, o que constitui um facto que merece um particular destaque.

A SMIRA, através da sua banda, tem vindo a participar activamente em eventos diversos, para além dos tradicionais concertos, arruadas, procissões e touradas. Neste âmbito, destaca-se a participação em projectos organizados pelas autarquias locais, designadamente Câmara Municipal e Junta de Freguesia de Aljustrel – Concerto de Páscoa, Comemorações do 25 de Abril, Feira do Campo, Santos Populares, Quartas à Noite, entre outros.

Por outro lado, privilegiando a divulgação da música e um contacto estreito e regular com as populações do concelho, a SMIRA, numa parceria com as cinco Juntas de Freguesia, tem vindo a levar a efeito o projecto “Primavera Musical”, que já vai na sua nona edição, com a realização concertos e ou arruadas em cada uma das localidades das cinco freguesias do Concelho.

São numerosas ainda as participações em eventos regionais, nacionais e internacionais, dos quais destacamos a participação na Ovibeja, em Concertos realizados na Casa do Alentejo, em Lisboa, e em Encontros de Bandas congéneres, com especial incidência para o Alentejo e Algarve. De registar algumas saídas para o norte do País, como sejam: Fafe, Pevidém, Rio Tinto, Felgueiras, etc. Recentemente foi realizado um intercâmbio com Bandas Filarmónicas das ilhas açorianas do Faial e Pico.
Nas participações internacionais, é de salientar a cooperação com Hem, em França, que esteve na origem do processo de geminação iniciado há cerca de 14 anos, por membros dos corpos sociais da SMIRA.

 

 

Contactos:

Rua José Francisco da Silva Álvaro - 27
7600-105 Aljustrel
Beja
Portugal
Telefone: 284 601 601
Email: smira.aljustrel@gmail.com