Município de Aljustrel - Terra Viva

Iniciativas

Vídeo Promocional - Aljustrel, Terra VivaJornal de AljustrelAgenda 21Ambiente - Eco AljustrelViniculturaCPCJAJulgado de PazConselho SolidárioPrograma Aljustrel JovemUnidade Móvel de SaúdePatrimónio MineiroGEO_FPIIFRRULinha VerdeGabinete Apoio ao Emigrante

Dicas

A Associação Portuguesa dos Nutricionistas desenvolveu dicas para ajudar a encontrar um ponto de equilíbrio e a ter um Natal saudável, mas cheio de sabor.

  • Tendo em conta que o Natal é 24 e 25 de Dezembro, tente confecionar alimentos numa quantidade suficiente para estes dois dias, de forma a não sobrar para os dias seguintes;
  • Respeite as tradições e consuma apenas pratos ou doces típicos desta época natalícia. Por vezes os excessos são cometidos à custa da introdução de outros alimentos que não são característicos desta quadra (ex: camarão, bolinhos de bacalhau, rissóis, carne de porco e alguns doces);
  • Modere a quantidade total de alimentos consumidos na Ceia de Natal, tanto ao nível das entradas, do prato principal, dos doces, dos frutos secos e das bebidas;
  • Procure confecionar em casa a maior parte dos pratos/doces, de forma a poder alterar as receitas, tornando-as mais saudáveis;
  • Inicie a Ceia de Natal com um bom prato de sopa de legumes;
  • Privilegie os pratos cozidos (ex: bacalhau da consoada) ou assados com pouca gordura (ex: peru no forno recheado com legumes) em vez dos fritos;
  • Aproveite as sobras do bacalhau com todos para fazer no dia seguinte Roupa Velha.
  • Reduza a quantidade de gordura adicionada às confeções culinárias e ao prato;
  • Acompanhe os pratos típicos de Natal com bastantes produtos hortícolas;
  • Sempre que possível, altere o método de confeção culinária da tradicional receita de sobremesas fritas (ex: fatias de ovo), assando-as no forno;
  • Reduza a quantidade de ovos da receita original! A quantidade indicada na receita original poderá ser excessiva! Um exemplo é o leite-creme;
  • Sempre que possível, substitua parte da farinha refinada por farinha integral (utilizar no mínimo ¼ de farinha integral relativamente à quantidade total de farinha);
  • Utilize azeite na confeção de sobremesas doces em substituição da manteiga, margarina ou banha, sempre que possível, especialmente nos bolos;
  • Os frutos secos e os frutos gordos (nozes, amêndoas, amendoins, pinhões, avelãs, figos secos, tâmaras) são excelentes alimentos pela riqueza em vitaminas, minerais e fibras, contudo contêm um elevado teor calórico, por isso, modere o seu consumo;
  • Nesta data não despreze a fruta da época. Tenha também na sua mesa de Natal frutas como a romã; tangerina, laranja, abacaxi, dióspiro, kiwi, maçã, pêra;
  • Não exagere no consumo de bebidas alcoólicas. O álcool também fornece calorias,
  • Faça da água a sua bebida de excelência e dê preferência aos sumos de fruta;
  • Para compensar os excessos cometidos, pense num jogo que vise a atividade física e envolva a sua família e amigos! Ou então, porque não ir a pé até à Missa do Galo? O importante é que se mexa!